terça-feira, 14 de junho de 2011

Julgamento de canários de porte, um problema para os juízes??


O aumento do número de raças
de canários de porte, nos últimos
anos, tem causado problemas
complexos tanto para criadores,
como no julgamento, pois mesmo
entre raças já estabelecidas e
algumas das novas, as diferenças
não são muito acentuadas.
Mesmo nas raças tradicionais,
tem havido aqui no Brasil, apesar
da excelência do nosso manual de
julgamento alguns casos dignos de
registro, como por exemplo, o
Yorkshire, cujo tamanho
preconizado é de aproximadamente 18(dezoito)centímetros pássaros apresentados são nitidamente
maiores que o Lancashire (8 polegadas, aproximadamente 20,32 cm).
A quase obsessão em produzir
pássaros muito grandes tem nos
levado à perda de características em várias raças.
Some-se ao que foi acima escrito, a mestiçagem sem um
planejamento definido ou mesmo entre pássaros de raças distintas
só porque são parecidas e chegaremos à conclusão da
situação enfrentada pelos juízes, pelo número de pássaros que
apresentam características de mais de uma raça, ou seja, os
denominados "limítrofes" com muita complacência pelo Carlito.

Nenhum comentário:

Postar um comentário